Image and video hosting by TinyPic

“Enquanto não há despertamento para a oração, as chuvas não chegam”, diz Hernandes Dias Lopes




O pastor Hernandes Dias Lopes tocou em um dos temas mais discutidos no meio evangélico, especialmente o pentecostal, que é o avivamento espiritual. Em uma das suas pregações na Igreja Presbiteriana de Pinheiros, ele que também é escritor e conferencista explicou que não é possível querer mudanças significativas na vida e até em um país se não houver o despertamento para a oração.

“Revezes acontecem, lutas chegam, tempestades desabam e parece que a nossa Jerusalém fica desolada, mas Deus está agora prometendo que esta terra não vai ser mais um povo desolado, mas vai ser a delícia de Deus. Não vai trazer mais desgosto para Deus, mas vai ser o prazer de Deus”, disse ele.



O pastor fundamentou a sua mensagem na passagem de Isaías 62:1-7, onde Deus demonstra seu amor ao povo que lhe busca com fidelidade e oração:

“Por amor de Sião eu não sossegarei, por amor de Jerusalém não descansarei enquanto a sua justiça não resplandecer como a alvorada, e a sua salvação, como as chamas de uma tocha”, diz um trecho do capítulo.

Hernandes Dias Lopes explica que a oração é o meio pelo qual Deus atua na vida do cristão em todos os aspectos, desde a sua individualidade até sua família, trabalho e consequentemente onde mora.


A igreja então possui um papel fundamental na condução do país, uma vez que ela também possui a responsabilidade de orar pelas autoridades, conforme ensina o Apóstolo Paulo na carta de 1 Timóteo 2:2, como está escrito:

“Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade.”.

Assim, o avivamento e bençãos de Deus são frutos da nossa intimidade com Ele, através da oração:

“Quando Deus quer fazer uma grande obra na nossa vida, na nossa casa, na nossa igreja, já dizia o teólogo clássico do avivamento, Johnathan Edwards: ‘Deus começa a despertar o Seu povo para orar”, diz o pastor.

“Enquanto não há despertamento para a oração, as chuvas não chegam, as torrentes não descem, o avivamento não acontece, os milagres de Deus na nossa vida, na nossa igreja, na nossa casa, não acontecem”, completa.
Assista a pregação completa no vídeo abaixo:
Share on Google Plus

About Levitas Newss